529-header

Indústria têxtil da China tem planos para investir no Brasil

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • Digg
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

A China, gigante na área têxtil, planeja integrar a produção brasileira na rede mundial para o fornecimento de roupas  e mão de obra para grandes grifes. Um dos grupos que fornece para Disney e Walmart está de olho no mercado brasileiro. Embora a China seja sinônimo de prejuízo para o Brasil em matéria de roupas, elas querem provar o contrário, ajudando o país a vender para a Ásia.

O objetivo dos grandes empresários da indústria têxtil chinesa é firmar parceria com produtores têxteis brasileiros para que estes possam fornecer-lhe matéria-prima para por fim eles enviarem a grandes redes de distribuição. Segundo um dos presidentes de uma das maiores companhias, o fornecimento chegaria a 40 fábricas diferentes pelo planeta. A empresa possui presença em países da américa central, mas ainda não no Brasil e acreditam que o mercado é promissor por aqui.

De acordo com estatísticas, as exportações do Brasil recuaram em cerca de 1,42 bilhão de dólares., uma queda acentuada em 2011, em comparação com 2010. A parceria com esta multinacional poderia ser a solução para este problema, embora outras fontes do setor vejam riscos nesta transação, pois os chineses poderiam tomar conta do mercado e utilizar a produção à sua maneira, o que não seria conveniente para os padrões brasileiros.

A empresa que está de olho no Brasil é  a  Li & Fung, um grupo familiar já tradicional e que há pouco tempo comprou a grife francesa Curreti, como um de seus primeiros avanços no mercado das grifes de luxo.

 

Share and Enjoy

Responsável pelo ECommerce e Mídias Sociais da empresa Sun Special Comércio e Representação Ltda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


dois × = 10

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>