maquina-de-costura

Quem é profissional ou quem utiliza da costura com frequência, sabe que por vezes se depara com pontos da máquina que não funcionam como deveriam.

Algumas costuras ficam frouxas, com laçadas grandes que ficam aparentes na parte de trás do tecido, que é onde passa a bobina. Em outras situações, o fio fica tão apertado que o tecido empaca, travando no calcador. Como resolver estas situações? Para isto você deve saber como ajustar a tensão em sua máquina de costura corretamente.

Como os pontos são formados

Os pontos das máquinas de costura são feitos através da agulha e da bobina. Ambos trabalham em conjunto inserindo a costura no lado direito e no avesso do tecido. Por isto que há uma linha reta e sólida em ambos os lados. Para que a costura aconteça desta forma, deve haver a tensão entre estes dois segmentos. Sem ela, algo acaba por falhar, causando, quando está solto demais, aqueles laços enormes e quando está muito apertado, a falha da tensão extra e encaixe corretamente no tecido. É preciso haver um meio termo.

Tensao da linha da agualha

Uma vez que você identificou estes problemas, é hora de partir para a solução deles. É muito simples de resolver. Tudo que você precisa fazer, é encontrar o botão de tensão de sua máquina. Ele pode ser achado acima e à direita da agulha, com uma identificação que indica onde apertar e afrouxar. Faça testes, brincando com ele para aprender sobre diversos pontos e encontrar a tensão equilibrada para o seu trabalho.

A bobina também tem sua parte de tensão, que fica no encaixe da rosca. É um pouco mais difícil o manuseio, mas você mesma pode encontrar um parafuso e ajustá-lo. Através dele, você pode regular a bobina. Muitas vezes se precisa usar uma chave de fenda pequena para fazer estes pequenos ajustes.

enchedor_bobina_01

Para quem trabalha muito com acolchoados, como Patchwork, não é necessário sempre ajustar a tensão, embora muitas vezes a vibração da máquina durante o trabalho, faça o ajuste sair do lugar. É preciso sempre fazer testes com diferentes tecidos antes de começar um trabalho real, principalmente se o tecido é único e que poderá ser difícil de restaurar.